A Revertência de Bispo do Império de Hércules ao Islão


   Durante o período imperial de Hércules, um autocrata bispo bizantino adotou entre o seu povo uma posição semelhante ao de Abdullah, filho de Salam que foi erudito de judeus em Medina, em relação ao convite para aceitar o Islão, devido concordância que notou a partir do Evangelho que diz respeito a descrição de Muhammad – paz e bênçãos de Allah estejam sobre ele -, sua vinda, assim como o lugar e hora de sua chegada.

Quando o Profeta Muhammad – a paz e bênçãos de Allah estejam sobre ele – enviou Dahia Al-Kalbiy – Allah esteja satisfeito com ele – a Hércules, o governante do Império Romano, com uma carta convidando-o ao Islão, Hércules encontrou o seguinte conteúdo:

“Em nome de Allah, o Beneficente, o Misericordioso:

De Muhammad o Mensageiro de Allah a Hércules, o governante de Roma. A paz esteja com todos que seguem o caminho certo.

Eu convido você a aceitar o Islã. Se você se tornar um muçulmano, estará seguro, e Allah dobrará sua recompensa, mas se rejeitar este convite, estará cometendo um pecado ao desviar os arianos.

“Ó povo da escritura! Venha a uma palavra comum a você e a nós que não adoremos ninguém além de Allah que não associemos nada com Ele na adoração, e que nenhum de nós deve tomar outros como Senhores fora de Allah. Então, se eles se afastarem, diga: Preste testemunho de que somos muçulmanos” [Alcorão 3:64].

 

Quando Hércules terminou de ler a carta, as vozes se juntaram resultando gritaria. [AlBukhari, Hadith 4278].

 

Hércules enviou a carta ao chefe do clero bizantino para consultá-lo. O bispo disse: “Isso é o que estávamos esperando, Jesus já nos contou sobre isso. Quanto a mim, acredito nele (o profeta Muhammad) e vou segui-lo. Hércules disse: “Quanto a mim, se fizer o mesmo que você, vou perder meu reino”.

O bispo então disse ao enviado do Profeta – a paz esteja com ele -: “Leve esta mensagem e retorne ao seu companheiro. Transmita-lhe a saudação da paz e o informe de que testemunho que não há deus digno de adoração exceto Allah e que Muhammad é o Seu Mensageiro, e que creio nele e no que ele prega, mesmo que o meu povo o rejeite. Então o arcebispo anunciou isso na frente de seus seguidores e eles o mataram.

Quando Dahia retornou a Hércules, Hércules lhe disse: “Te informamos que temos medo deles. O arcebispo era mais estimado entre as pessoas do que eu. [Imama Ibn Hajar Fi Fath al-Baar Sharh Sahiih al-Bukhar vol. 1 pág. 42-43]





The article is available in the following languages